Volte Depressa para Deus!





É bíblica a frase “O cair é do homem e o levantar é de Deus”?

Embora pareça, essa expressão popular não se encontra nas Escrituras. Esse pensamento, possivelmente, guarda relação com a crença no poder de Deus em levantar e sustentar o caído e na condição humana suscetível à queda. Mas, temos que compreender melhor este assunto.

De fato, sabemos que Deus é onipotente e, quanto ao homem, o único que não pecou foi Jesus, pois todos somos pecadores.

O pecado consiste em opor-se à vontade de Deus e sua prática atrai a ira do Senhor sobre nós, mesmo para aqueles que não conhecem os seus mandamentos. O pecado traz consequências eternas e, por essa razão, os homens precisam de salvação.  A Bíblia diz que todos pecaram e carecem da glória de Deus (Romanos 3:23).

Sendo o homem pecador, ainda que se empenhe na prática de boas obras, elas não têm o poder de anular a pena que é instituída a todo aquele que peca: a morte eterna.

“A alma que pecar, essa morrerá” (Ezequiel 18:20).

Mas antes mesmo do primeiro pecado ser cometido na Terra, Deus já havia elaborado um plano para salvar o homem do fim eterno e restaurar sua comunhão com ele. Como prova do seu amor, Deus enviou seu único Filho Jesus Cristo, sem pecado, para que viesse em carne e oferecesse sua morte em sacrifício pelos nossos pecados. 

“Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus” (II Coríntios 5:21).

Jesus não tinha pecado, mas nos substituiu e pagou a pena que seria do homem e todo aquele que crê em Jesus Cristo como seu único salvador é feito justo diante de Deus e recebe a vida eterna!

“Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores” (Romanos 5:8).

“Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor” (Romanos 6:23).

“Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados” (1 Pedro 2.24).

Somente através de Cristo temos acesso a Deus e apenas por seu intermédio podemos ser salvos!

Se você ainda não deu esse passo de , não perca tempo e volte-se depressa para Deus pelo único caminho que é Jesus Cristo! Não importa a sua condição e nem o que já fez de errado. Apenas se arrependa e creia que Cristo derramou seu sangue por você!

Mesmo caminhando com Jesus, corremos o risco de cometer erros e tomar rumos não agradáveis a Deus. Mas, se assim procedemos, nosso interior sente a dor do pecado que nos faz recorrer a Deus para confessá-lo sabendo que Ele é fiel e justo para nos perdoar e nos purificar de qualquer injustiça. 1 João 1:9. O arrependimento faz parte da caminhada cristã.

Jesus na parábola de Lucas 15:11-24, contou a história de um homem que possuía dois filhos. O filho mais novo resolve pedir ao pai a sua parte na herança. O Pai, então, divide a herança entre os dois e o mais novo recebe e se aparta para longe da família. Em uma terra distante foi esbanjando toda a sua herança e acaba tornando-se miserável ao ponto de passar fome e desejar comer da lavagem que era dada aos porcos. Mas, naquela condição terrível, ele se lembra do pai e pensa: Quantos empregados do meu pai têm fartura de pão, enquanto eu estou aqui morrendo de fome! Vou partir e voltar para a casa do meu pai e lhe dizer: "Pai, pequei contra o céu e contra o senhor. Não sou mais digno de ser chamado seu filho. Trate-me como um dos seus empregados." E, levantando-se, foi para seu pai. Enquanto o filho ainda estava longe, o pai o avistou e, movido por íntima compaixão, correu em sua direção, o abraçou e beijou ternamente.

Aqui podemos entender que a frase “o cair é do homem e o levantar é de Deus”, pode nos dar a impressão de que o Senhor, necessariamente, levantará o caído independentemente da sua condição de se arrepender e voltar-se para Ele. Mas a Bíblia diz:

“se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, buscar a minha face e se afastar dos seus maus caminhos, dos céus o ouvirei, perdoarei o seu pecado e curarei a sua terra” (2 Crônicas 7:14).

O homem que conhece o caminho e rebela-se, desviando-se do Pai, precisa se dispor a voltar para o Senhor com a consciência de que a vida com Deus não se compara às ilusões de uma vida pecaminosa. Vemos na parábola contada por Jesus que o Pai, mesmo triste, não impediu que seu filho se apartasse para viver segundo a sua maneira, mas o recebeu com grande alegria quando ele voltou arrependido.

“Chegai-vos para Deus, e ele se chegará para vós. Limpai as mãos, pecadores; e, vós de espírito vacilante, purificai os corações. Senti as vossas misérias, lamentai e chorai; torne-se o vosso riso em pranto, e a vossa alegria em tristeza. Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará” (Tiago 4:8-10).

Deus não nos obriga a andar com Ele. Ao contrário, nos dá liberdade para escolher estar com Ele por vontade própria, sob o vínculo do amor e não contrariados. Embora o Senhor odeie o pecado, Ele nos oferece a oportunidade do perdão e da plena restauração, quando nos arrependemos e buscamos Sua direção.

“Se, porém, não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis” (Lucas 13:3,5). 

Caso você seja cristão e se encontra desviado dos caminhos do Senhor, não perca tempo: volte depressa para Deus!  Ele se alegra com a volta do filho que se arrepende. Nosso Pai é rico em misericórdia e deseja caminhar com você todos os dias da sua vida e estar com você por toda a eternidade! Entregue-se ao amor de Deus e volte depressa para os Seus braços!

“Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos; volte-se ao Senhor, que se compadecerá dele; e para o nosso Deus, porque é generoso em perdoar” (Isaías 55:7).


“Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por causa de um pecador que se arrepende do que por causa de 99 justos que não precisam de arrependimento” (Lucas 15:7).

Precisa de oração? Deixei seu pedido aqui abaixo!

© 2020 Projeto Mente Renovada.

Orgulhosamente desenvolvido por creisconsultoria.com

creis logo.webp