A Angustiante Busca da Felicidade!




A felicidade é o alvo perseguido pelos homens. Todos anseiam por uma vida repleta de alegrias, livre de quaisquer sofrimentos e preocupações. Ela está associada à sensação de bem-estar quando realizadas conquistas pessoais e satisfeitos os mais variados prazeres relacionados às ambições do nosso coração. A busca da felicidade nunca foi tão grande e a publicidade da vida íntima pela exposição midiática tem favorecido o crescente desejo de ostentar o status de “sempre feliz” em um exibicionismo quase viciante.

No entanto, facilmente percebemos que “ter” coisas para ser feliz leva à frustração do homem porque nem sempre ele poderá ter o que deseja e, quando possui, nunca irá se contentar com o que tem. Além do mais, coisas se deterioram, são adquiridas, mas também são perdidas. Nenhum homem, por mais rico que seja, poderá levar toda a fortuna em sua morte.

Vemos que os bens materiais não servem de âncora para a nossa felicidade. De outro lado, buscar a felicidade no outro também nos levará, ocasionalmente, à decepção porque as pessoas não são perfeitas.

Percebemos que quanto mais gozamos da vida mais nos tornarmos frustrados e ansiosos por buscar mais novidades que venham saciar um vazio que não pode ser preenchido pela busca de riquezas e prazeres. No mais íntimo pensamento vem a pergunta: é só isso? O que dá sentido à minha vida?

Encontramos na Bíblia uma compreensão melhor sobre a fonte da felicidade humana.

VOCÊ PRECISA DE DEUS

O homem foi criado por Deus, não para estar separado dEle, mas para desfrutar da Sua íntima comunhão e viver na terra em Sua presença, tendo seus caminhos e passos conduzidos rumo a um sentido e propósitos maiores.

“Digo ao Senhor: Tu és o meu Senhor; além de ti não tenho outro bem” (Salmos 16:2).

A Bíblia ensina que sem a presença de Deus o homem, ainda que viva, está morto espiritualmente, não sabe para onde vai e irá sempre buscar um caminho que apazigue a perturbação da alma e seus conflitos interiores. Todas as conquistas passadas não são suficientes para mantê-lo firme diante das perdas e sofrimentos que o abatem e não servem de esteio para torná-lo confiante acerca do por vir tão incerto.

“Como é feliz o povo que aprendeu a aclamar-te, Senhor, e que anda na luz da tua presença! Sem cessar exultam no teu nome, e alegram-se na tua retidão, pois tu és a nossa glória e a nossa força, e pelo teu favor exaltas a nossa força” (Salmos 89:15-17).

É indispensável ligar-se a Deus que é a fonte de toda a vida, para, então, desfrutarmos da felicidade verdadeira que só dEle se origina. Deus criou o homem e apenas nEle temos a fonte da felicidade, independente das circunstâncias que nos cercam.

“Como é feliz a nação que tem o Senhor como Deus, o povo que ele escolheu para lhe pertencer!" (Salmos 33:12).

Embora o mundo seja hostil a Deus, Ele busca reconciliar-se com o homem e determinou um caminho para restabelecer essa relação afetada desde a primeira rebelião vista na terra. Deus enviou o Senhor Jesus, Seu filho a fim de morrer na cruz para que fosse paga a pena dos nossos pecados. Deus é santo e puro e não pode tolerar o pecado que tem por recompensa a morte.

“Se quando éramos inimigos de Deus fomos reconciliados com ele mediante a morte de seu Filho, quanto mais agora, tendo sido reconciliados, seremos salvos por sua vida!" (Romanos 5:10,11).

Cristo é o nosso Salvador pois somente através de dEle somos salvos da ira de Deus e podemos nos reconciliar com o Pai e experimentar a paz e a alegria operadas pela maravilhosa ação do Espirito Santo em nós!

“Esta afirmação é fiel e digna de toda aceitação: Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores (...)”(1 Timóteo 1:15).

DEUS EM PRIMEIRO LUGAR

O Senhor Jesus nos ensinou que devemos inverter as prioridades da nossa vida. De um modo geral, as pessoas lutam desesperadamente por seus sonhos, metas, mas se esquecem de Deus. No entanto, quando em primeiro lugar buscamos o Senhor e a Sua Justiça, Deus nos promete prover as demais necessidades.

"Mas buscai o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas" (Mateus 6:33).

Não precisamos mais andar angustiados e ansiosos pelo nosso sustento e futuro, por mais difícil que seja a situação.


"Não te fatigues para seres rico; não apliques nisso a tua inteligência. Porventura, fitarás os olhos naquilo que não é nada? Pois, certamente, a riqueza fará para si asas, como a águia que voa pelos céus" (Provérbios 23:4-5).

Devemos, sim, empreender o esforço necessário para as providências da vida, com a tranquilidade e certeza de que seremos agraciados porque cremos na promessa do Senhor de que nada nos faltará (Salmo 23)!

O meu Deus suprirá todas as necessidades de vocês, de acordo com as suas gloriosas riquezas em Cristo Jesus" (Filipenses 4.19).

Deus nos criou e nos ama, portanto, sabe perfeitamente o que precisamos e nos faz bem quando O seguimos e confiamos na Sua providência.

“O Senhor Deus é a nossa luz e o nosso escudo. Ele ama e honra os que fazem o que é certo e lhes dá tudo o que é bom. Ó Senhor Todo Poderoso, como são felizes aqueles que confiam em ti!” (Salmos 84:11,12).

Quando o Senhor passa a ser o nosso bem maior, recebemos dEle consolo quando tristes, ânimo quando prostrados, força quando fragilizados, além do cuidado, direção, provisão e longa vida que redundam em felicidade interior mesmo em tempos turbulentos.

“O Senhor é refúgio para os oprimidos uma torre segura na hora da adversidade" (Salmos 9:9).

Também temos do Senhor a promessa de que Ele satisfará os desejos do nosso coração se, antes, recursarmos os conselhos deste mundo e nos dedicarmos com prazer à obediência da Sua palavra e vontade!

“Deleite-se no Senhor, e ele atenderá aos desejos do seu coração” (Salmos 37:4).

Na realidade dos nossos dias muitas são as ofertas de felicidade mas, sem Deus, o homem permanece buscando saciar seu vazio em prazeres e conquistas que não lhe garantem a plena satisfação de viver. Somente nEle encontramos a paz e a alegria em medidas incomparáveis a qualquer conquista que o mundo possa oferecer!

“Como são felizes os que obedecem aos seus estatutos e de todo o coração o buscam!” (Salmos 119:2).

Vemos nas Escrituras que se amarmos a Deus de todo o coração e o colocarmos em primeiro lugar, buscando obedecê-lo a cada dia, viveremos felizes porque andaremos em Sua presença e seremos abençoados!

Entregue-se hoje mesmo a Deus através Cristo e priorize Seus preceitos enquanto viver e encontrará o caminho da felicidade! Ele disse: Eu sou o caminho, a verdade e a vida" (João 14:6). O Senhor Jesus não nos prometeu uma vida livre de aflições, mas garantiu que estaria conosco todos os dias até o fim e, após a morte, viveremos eternamente com Ele na Presença do Pai!

“Feliz aquele que teme a Deus, o Senhor, e vive de acordo com a sua vontade!

Se você for assim, ganhará o suficiente para viver, será feliz, e tudo dará certo para você.

Em casa, a sua mulher será como uma parreira que dá muita uva; e, em volta da mesa, os seus filhos serão como oliveiras novas.

Quem teme ao Senhor certamente será abençoado assim.

Que, do monte Sião, o Senhor o abençoe!

Que, em todos os dias da sua vida, você veja o progresso de Jerusalém!

E que você viva para ver os seus netos!

Que a paz esteja com o povo de Israel!” (Salmos 128:1-6 NTLH).





Precisa de oração? Deixei seu pedido aqui abaixo!

© 2020 Projeto Mente Renovada.

Orgulhosamente desenvolvido por creisconsultoria.com

creis logo.webp