Vidas de Aparências




Viver de aparências tornou-se um estilo de vida para muitas pessoas. Elas escondem quem de fato são e como vivem por detrás de máscaras.


Só que, por vezes, as máscaras caem e surgem escândalos envolvendo mundos perfeitos que ocultavam duras realidades. Nos negócios, também multiplicam-se as fraudes e lucros desonestos cometidos às escuras, sob aparente capa de legalidade.


Nem tudo é o que parece. Mas, não devemos aparentar o que não somos, nem o que não temos, pois tudo está patente aos olhos de Deus, que não se deixa enganar e conhece a todos plenamente.



Aparências diante de Deus



A onisciência de Deus desmascara a hipocrisia e expõe a verdadeira identidade de cada um de nós. Ainda que alguns possam enganar os outros, jamais enganarão a Deus.

A Bíblia revela: “Nada, em toda a criação, está oculto aos olhos de Deus. Tudo está descoberto e exposto diante dos olhos daquele a quem havemos de prestar contas” (Hebreus 4:13) e que “nada há encoberto que não haja de ser descoberto; nem oculto, que não haja de ser sabido” (Lucas 12:2).

Até mesmo os religiosos são desmascarados quando cultuam publicamente a Deus e, no seu íntimo, buscam somente a aprovação dos homens. O Senhor Jesus reprovou os líderes religiosos da sua época – os fariseus e os mestres da lei – e lhes disse: "Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês são como sepulcros caiados: bonitos por fora, mas por dentro estão cheios de ossos e de todo tipo de imundície. Assim são vocês: por fora parecem justos ao povo, mas por dentro estão cheios de hipocrisia e maldade.”


Há um grande problema quando pessoas confessam a Jesus e não obedecem à sua Palavra. Dizem crer em Deus, mas o negam com suas vidas. A questão não está em sermos perfeitos. Somos falhos. Se cometermos pecado, não devemos mantê-lo encoberto, mas, sim, confessá-lo ao Senhor e abandoná-lo. Deus está pronto para perdoar se assumimos a disposição sincera de seguir a Cristo, lançando fora a hipocrisia de uma vida de aparências. O reconhecimento de Deus vale mais do que os aplausos dos homens.



Aparências nos Relacionamentos



Quantos homens e mulheres juram amor e traem seus cônjuges? Quantos lares aparentam convívio harmônico e escondem os horrores da violência doméstica? Quantos se dizem amigos, e, na verdade, são falsos e desejam mal para o outro?


A Bíblia deixa claro que devemos remover toda a mentira e falsidade das nossas vidas: “Deixando, pois, toda a malícia, e todo o engano, e fingimentos, e invejas, e todas as murmurações” (1 Pedro. 2:1.). “Purificando as vossas almas pelo Espírito na obediência à verdade, para o o amor fraternal, não fingido; amai-vos ardentemente uns aos outros com um coração puro " (1 Pedro 1:22).


Deus nos fez seres relacionais e nos criou para estabelecermos um relacionamento verdadeiro com Ele e uns com os outros.


A restauração do nosso relacionamento com Deus, por meio da fé em Jesus Cristo, nos ajuda a amar e desenvolver relacionamentos saudáveis, sem fingimento.



Aparências nos Negócios



A falsidade e o engano também estão presentes nos negócios. Balanças adulteradas, vendas “gato” por “lebre” e corrupção às ocultas são descobertas a todo o instante. Mas a Palavra de Deus condena essas práticas e nos chama à honestidade:


“Usem pesos e medidas certos, para que vocês vivam muito tempo na terra que o SENHOR, nosso Deus, lhes está dando. Ele detesta todos aqueles que fazem essas coisas desonestas” (Deuteronômio 25:15-16). “Balança enganosa é abominação para o Senhor, mas o peso justo é o seu prazer” (Provérbios 11:1).


“Não torcerás a justiça, nem farás acepção de pessoas. Não tomarás subornos, pois o suborno cega os olhos dos sábios, e perverte as palavras dos justos. Segue a justiça, e só a justiça, para que vivas e possuas a terra que o Senhor teu Deus te dá” (Deuteronômio 16.19-20).



Fuja da Vida de Aparências!



Não ignore as consequências espirituais das más ações escondidas porque a Bíblia diz que Deus conhece todas as coisas e há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau (Eclesiastes 12:14). Quem esconde os seus pecados não prospera, mas quem os confessa e os abandona encontra misericórdia (Provérbios 28:13).


Quando passamos a ter o conhecimento do que diz a Bíblia, podemos perceber como estamos diante de Deus e o que precisa ser mudado em nossa vida. Toda a conduta reprovada pelo Senhor deve ser abandonada. Deus está sempre de braços abertos para receber o mais indigno pecador que se aproxima, reconhecendo seu erro em busca de perdão. Aceite hoje o chamado de Deus! Reconheça se tem vivido de aparências e livre-se de todo o engano!


Mesmo os que procuram viver honestamente precisam ser perdoados porque a Bíblia diz que todos pecaram transgredindo a Lei de Deus e carecem do Seu perdão. Por isso, necessitamos tanto do Salvador!


Quando confiamos em Cristo para a salvação e renunciamos os pecados, Deus nos ouve, perdoa e promete não se lembrar mais deles: "Porque eu lhes perdoarei a maldade e não me lembrarei mais dos seus pecados" Jeremias 31:34.


Que maravilhosa graça! Por meio da fé em Cristo somos aceitos por Deus e ainda recebemos a capacidade espiritual para vivermos de modo santo e agradável ao Senhor, que redundará em bem para a nossa alma hoje e eternamente.